CRISTIANO RONALDO: NÃO CAPITULA

Cristiano Ronaldo, não capitula. Você é um exemplo ímpar de atleta, de jogador de futebol e  de dedicação à carreira. Quem convive com você ou já viu os filmes sobre você e seu filho sabe que é um pai maravilhoso. Igual filho, irmão e amigo.

Vi na madrugada de sexta para sábado, numa TV portuguesa uma matéria produzida pela justiça do Estado de Nevada, Las Vegas – USA,  (possivelmente o Estado mais escroto do mundo em todos os sentidos) onde você é denunciado por mais de vinte e três crimes contra uma vulnerável puta de cassino. Encara a briga. Não negocia.

Estou enojado com indústrias de multas de trânsito e reparações de crimes sexuais acontecidos no século passado. É festa no terreiro dos advogados espertos e na justiça que precisa de mídia.

Ronaldo, você forçou a scort girl a subir para a sua suíte no dia do encontro?  Conta logo que você não chamou ninguém, ao contrário, foi convidado para participar de uma suruba promovida pelo Hotel Cassino e suas empregadas para o grupo do Real Madrid que comemorava a sua primeira indicação para o melhor jogador do mundo.  Você segurou sozinho quando, ainda jogando na Inglaterra, (por orientação de seus advogados) pagando trezentos mil dólares `a mulher para um acordo de “esquecimento” do caso e de possíveis futuras acusações. Não funcionou.

Pelo que sei, via imprensa, que leio há mais de quinze anos, você é um homem normal. Então ESCANCARA O CASO SEM MEDO.

Notícias

Próxima rodada